Lisboa, Portugal, O que fazer, Alugar Carro em Lisboa,

 


O que fazer em Sintra em dois dias


Veja como aproveitar bem dois dias em Sintra. Se você estiver hospedado em Lisboa, vale a pena conhecer a vila de Sintra, que fica apenas a 30 km da capital e guarda muitos palácios e mistérios para você descobrir. É uma vila bastante turística que atrai visitantes de todas as partes de Portugal e do mundo. A Serra de Sintra é bastante fria, então vá com roupas quentes porque costuma ventar muito independente da estação. 

Roteiro de dois dias em Sintra

Primeiro dia em Sintra

Se você sair de Lisboa, em 30 minutos estará na vila de Sintra, então acorde cedo e comece sua viagem. Chegando a Sintra, a dica é já ir para o centro, conhecer um pouco do centrinho turístico e ver o estilo de vida dos moradores de Sintra. Há muitos cafés e restaurantes por toda a parte, então vale a pena se perder pelas ruas estreitas e achar aos poucos um ou outro lugar interessante. Dedique a tarde a visitar o a Quinta da Regaleira, um dos mais bonitos da Serra de Sintra. Ele foi construído o século XIX e foi classificado Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. Além da riqueza do palácio e suas decorações, o que também chama a atenção e intriga os visitantes são os diferentes jardins cheios de símbolos enigmáticos, grutas e poços. É um palácio bastante intrigante e lindo, onde a alquimia, maçonaria e muito misticismo se mistura. Veja onde ficar em Sintra para escolher o melhor hotel para esses dois dias na vila.

Quinta da Regaleira em Sintra

Segundo dia em Sintra

No segundo dia, vale a pena começar pelo Castelo dos Mouros, uma grande fortaleza e moradia construída pelos árabes no século VIII. A sua posição, na época, privilegiava que os ocupantes estivessem preparados para o combate, já que viam os inimigos chegando a longa distância. Subir até o topo do Castelo dos Mouros não é fácil, então não se esqueça de reforçar no café da manhã. De lá dá para ver o outro enorme palácio e símbolo de Sintra, o Palácio da Pena. Ele fica a mais de 500 metros de altura, o que lhe dá um ar bastante imponente. Às vezes, devido à nubilosidade, parece que o palácio está flutuando em uma nuvem. A visita ao palácio demanda muito tempo e paciência, se estiver com pouco tempo compre apenas o ingresso que dá acesso às partes externas do palácio. Mas já que é o segundo dia, a dica é conhecê-lo. Almoce dentro do palácio para poupar tempo, lá há algumas cafeterias e lanchonetes já prontas para isso. Depois de visitar o Palácio da Pena e de almoçar, é hora de descer a Serra. Pare no Palácio Nacional de Queluz, que começou a ser construído em 1747 por D. Pedro III. É um palácio que ostenta o poder e muitas vezes é até comparado ao Palácio de Versalhes. Não deixe de visitar os jardins, são impressionantes. Ao final da tarde, quando estiver voltando para Lisboa, não deixe de visitar o Cabo da Roca, o ponto mais ocidental do continente Europeu.

Palácio de Queluz em Sintra

Uma dica legal é que os pontos turísticos de Portugal e as cidades turísticas são próximas e uma ótima opção para aproveitar muito mais sua viagem é alugar um carro. Além de facilitar muito na hora das compras e de visitar os lugares, você ainda pode conhecer várias cidades menores de Portugal que são lindas e ir até Lisboa e Porto, que é uma das viagens mais bonitas e as estradas são linda. Se quiser, veja nossa matéria de como alugar um carro em Portugal com dicas de como alugar um excelente carro por um preço incrível e tudo o que você precisa saber sobre o assunto.

Veja outras matérias imperdíveis para quem vai viajar à Portugal:
O que fazer em LisboaPrincipais atrações, passeios e lugares da cidade.
Como economizar muito em PortugalDicas incríveis para economizar em tudo.
Seguro obrigatório para EuropaComo fazer o melhor seguro e pelo menor preço.

Postar um comentário

 
Top